Terça-feira, 13 de Maio de 2008

O OLHAR DA CIÊNCIA SOBRE ENVELHECIMENTO

    No dia 9 de Maio  de 2008, pelas 10h20 minutos, realizou-se no Auditório do bloco B uma palestra , com a duração de 90 minutos, sobre Envelhecimento Cerebral.

   Tendo já abordado a vertente social do tema com a apresentação em placard denominada "Envelhecer uma arte a aprender" decidimos que o produto final do nosso trabalho passaria pela realização desta palestra intitulada "O Envelhecimento e o Cérebro: Será a demência inevitável?” que abordou a questão científica deste processo complexo que é envelhecer.

   Para tal, solicitamos a presença do Prof. Doutor Jorge Oliveira, Professor de Farmacologia da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto e doutorado em Farmacologia na faculdade ja referida em colaboração com o Centro de Neurociências da Universidade de Coimbra e o Buck Institutre for Age Research na Califórnia. Actualmente, desempenha o cargo de Professor auxiliar do Serviço de Farmacologia da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto.

 

Palestrante: Prof. Dr. Jorge Oliveira

 

   Foram convidados para assistir a esta palestra cinco turmas da ESA (quatro turmas de Ciências e tecnologias e uma turma de Ciências Sociais e Humanas) assim como os respectivos professores que se encontravam a leccionar estes alunos no horário citado. Convidamos, igualmente, a direcção da escola e a ex-representante do NAE, Doutora Luísa Jardim. 

 

 

Durante a palestra: público.

 

   As pessoas convidadas tinham ao seu dispôr um panfleto onde eram citados os objectivos da palestra e, atravês do qual, se puderam guiar. 

   A palestra foi iniciada pelo Sr. director Fernando Sampaio. De seguida, fizemos uma breve introdução  onde divulgamos os objectivos da palestra, já mencionados anteriormente.

    Fazendo um balanço desta actividade achamos que correu tudo bem: tanto alunos como professores mostraram interesse pelo assunto abordado e colocaram questões.

     Esperamos que todos aqueles que assitiram à palestra tenham encontrado respostas para algumas dúvidas com as quais, certamente, já se questionaram e, acima de tudo, tenham olhado para esta actividade como uma mensagem de esperança.

 

Alunas que organizaram a palestra (da esquerda para a direita):

Joana Teixeira, Diana Teixeira e Sónia Pinheiro

 

     OBRIGADA...a todos os que assitiram, ao professor Doutor Jorge Oliveira pela sua disponibilidade e a todos os que colaboraram connosco na organização deste evento.

 


publicado por envelhecimentoamarante às 17:11
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 29 de Abril de 2008

Palestra na ESA sobre "Envelhecimento Cerebral"

 

 

É com imenso prazer que vimos convidar a comunidade da Escola Secundária de Amarante a comparecer na PALESTRA sobre "Envelhecimento Cerebral", com o Prof. Dr. Jorge Oliveira (Professor de Farmacologia da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto) especializado na área das doenças neurodegenerativas, que terá lugar no auditório do bloco B, no próximo dia 9 de Maio de 2008, pelas 10h20min.

 

APAREÇAM...CONTAMOS COM A TUA PRESENÇA!


publicado por envelhecimentoamarante às 11:12
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 22 de Abril de 2008

Envelhecimento e saúde: um problema social emergente

O nosso país, à semelhança de outros, está a passar por uma rápida transição demográfica, caracterizando-se esta por um aumento progressivo e acentuado da população adulta e idosa. São tendências pesadas com fortes implicações estruturantes, mas uma das principais consequências desta transformação dá-se a nível do sector da saúde.

Já sabemos que as pessoas não envelhecem todas da mesma maneira. A par dos factores genéticos que determinam muito do processo, há que realçar que não é igual envelhecer no feminino ou no masculino, sozinho ou no seio da família, casado, solteiro, viúvo ou divorciado, com filhos ou sem filhos, no meio urbano ou no meio rural, na faixa do mar ou na intelectualidade das profissões culturais, no seu país de origem ou no estrangeiro, activo ou inactivo. É um facto constatável a que Portugal não foge, na medida em que o envelhecimento da população portuguesa não se manifesta de forma homogénea em todo o território: os fortes movimentos migratórios externos e internos têm deixado mais envelhecido o interior com a migração das gerações mais jovens para o estrangeiro e no território nacional, para os grandes centros urbanos do litoral.

O envelhecimento tem início relativamente precoce no final da segunda década de vida (a partir dos 30 anos), perdurando por longo tempo pouco perceptível, até que surjam no final da terceira década as primeiras alterações funcionais e/ou estruturais. Admite-se como regra geral, que ocorre a cada ano a partir dos trinta anos de idade perda de 1% da função. O ritmo de declínio das funções orgânicas varia não só de órgão para órgão, como também entre idosos da mesma idade. Tal facto justifica a impressão de que o envelhecimento produz efeitos diferentes de uma pessoa para a outra.

 

 

 

 

O envelhecimento envolve preferencialmente os órgãos efectores e resulta de processos intrínsecos que se manifestam a nível dos órgãos, tecidos e células:

 

 

§      Assim, a pele envelhece mais rapidamente que o fígado.

§      As complicações vasculares afectarão o sistema cardíaco principalmente.

 

 

Seja qual for o mecanismo e o tempo de envelhecimento celular, este não atinge simultaneamente todas as células e, consequentemente, todos os tecidos, órgãos e sistemas.

Cada sistema tem o seu tempo de envelhecimento, mas sem a interferência dos factores ambientais há alterações que se dão mais cedo e se tornam mais evidentes quando o organismo é agredido pela doença.

A nível do sistema nervoso, existe fundamentalmente:

®    perda de neurónios substituídos por tecido glial;

®     a diminuição do débito sanguíneo, com consequente diminuição da extracção da glicose e do transporte do oxigénio;

®    a diminuição de neuromodeladores que condicionam a lentificação dos processos mentais, alterações da memória, da atenção, da concentração, da inteligência e pensamento.

Para além de tudo isto, há que ter em consideração as diminuições orgânicas e funcionais, que originam significativas alterações na forma e na composição corporal com o decorrer dos anos.

 

ALTERAÇÕES ESTRUTURAIS

ALTERAÇÕES FUNCIONAIS

 

Sistema cardiovascular

Células e tecidos

Sistema respiratório

Composição global do corpo e peso corporal

Sistema renal e urinário

Músculos ossos e articulações

Sistema gastrointestinal

Pele e tecidos subcutâneos

Sistema nervoso e sensorial

Tegumentos

Sistema endócrino e metabólico

 

Sistema imunitário

 

Ritmos biológicos e sono

 


publicado por envelhecimentoamarante às 10:56
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Abril de 2008

O valor de um idoso!

IDOSO… quase sempre esquecido,
Esquecido a toda a hora,
Facilmente o mundo esquece
Da sua vida, da sua história!


 

A partir dos setenta anos,
Mais difícil fica a vida,
Se não contas com ajuda...
Aproxima-se a despedida!


 

Há “velhos” afortunados,
Tratados com muito amor,
A maioria, porém,
Vive só, com a sua dor.

 

 

Quando adoece, um idoso
E o seu estado se deplora,
Muita gente diz assim:
Será que não está na hora?!

 


Depois do Idoso falecer,
Com saudade alguém chora,
Muitos dizem, secamente:
Viveu muito... foi na hora!
 
 

 Se és jovem ampara o “velho”,
Estime-o de coração,
Dá-lhe paz e segurança,
Algo mais, a tua mão.

 

 

Aproveita a experiência
De alguém que envelheceu,
Procura ouvir os conselhos,
É sempre um amigo teu.

 

Ouve a voz da experiência
JOVEM, torna-te seu fã,
É um conselho par aqueles...
Que serão “velhos”, amanhã!

 


publicado por envelhecimentoamarante às 10:58
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 1 de Abril de 2008

"Envelhecer uma arte a aprender"

 Exposição na ESA

 

    Tal como foi publicado, durante a semana de 26 a 29 de Fevereiro realizamos uma exposição na nossa escola intitulada "Envelhecer uma arte a aprender".

   Como se pode observar na imagem a exposição continha algumas imagens alusivas aos idosos, bem como textos e frases, das quais tentamos que fossem bastante apelativas e alucidativas.

   Achamos que os objectivos desta exposição foram alcançados uma vez que a comunidade escolar aderiu e despertou interesse pela assunto abordado.

 

  


publicado por envelhecimentoamarante às 10:55
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 22 de Fevereiro de 2008

Exposição

Um dos nossos objectivos com a realização do projecto que nos encontramos a desenvolver, passa também por demonstrar aos jovens da nossa comunidade escolar a importância e o respeito de que os idosos são merecedores.

Deste pressuposto, optamos por levar a cabo a concretização de uma exposição onde se encontrem presentes fotografias de idosos acompanhadas de pequenas frases simbólicas que abordem a temática.

Esta vai ter inicio no dia 26 de Fevereiro (terça-feira) e vai prolongar-se até ao dia 29 do mesmo mês (sexta-feira), no polivalente da nossa escola para que todos os alunos possam reflectir acerca do estatuto  que deve ser atribuido aos idosos por parte daqueles que, no futuro, vão possuir essa idade e também irão exigir rspeito.

 

Esperamos que o nosso objectivo com a concretização desta exposição seja atingido com sucesso.


publicado por envelhecimentoamarante às 11:10
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2008

A velhice chega até nós!

Jamais mantenhamos a ideia da velhice, porque quer queiramos ou não, a ela chegaremos naturalmente.

Anónimo


publicado por envelhecimentoamarante às 11:36
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 11 de Fevereiro de 2008

Ser idoso...

 

Poucas palavras dizem muito!!


publicado por envelhecimentoamarante às 20:11
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 1 de Fevereiro de 2008

O lado bom das coisas!

"O lado bom das coisas:

por mais velho que se seja, pode-se ser mais jovem do que  nunca"

Albert Ein 

 

De facto, o amor não escolhe idade, simplesmente acontece! 

 

 

 

 

 


publicado por envelhecimentoamarante às 10:39
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 29 de Janeiro de 2008

Visita ao Centro de Dia do Centro Social de Jazente (Amarante)

Faz parte do procedimento do nosso projecto manter um contacto próximo com os idosos, de forma a conhecer de perto as suas condições de vida, as suas actividades e a sua integridade física e psicológica.

Partindo deste pressuposto, decidimos realizar uma visita ao Centro de Dia do Centro Social de Jazente (Amarante), onde nos foi permitido contactar com os idosos e conhecer as actividades com as quais preenchem os seus dias.

É encantadora a receptividade que os idosos nos apresentaram e a boa disposição com que nos contagiam. Gargalhadas e risos são a imagem de marca da instituição e que demonstra a qualidade de vida que lhes é proporcionada junto dos membros do Centro onde se encontram inseridos.

Foi uma experiência admirável e tencionamos realizar visitas deste género a muitas outras instituições da nossa cidade.

 


publicado por envelhecimentoamarante às 10:34
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

 

.Maio 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. O OLHAR DA CIÊNCIA SOBRE ...

. Palestra na ESA sobre "En...

. Envelhecimento e saúde: u...

. O valor de um idoso!

. "Envelhecer uma arte a ap...

. Exposição

. A velhice chega até nós!

. Ser idoso...

. O lado bom das coisas!

. Visita ao Centro de Dia d...

.arquivos

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

SAPO Blogs

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub